Fontes de energia

Combustíveis fósseis: tipos, vantagens e desvantagens

Combustíveis fósseis

Exemplos de combustíveis fósseis podem ser o carvão mineral, o gás natural e o petróleo sendo todos os três promovidos através da decomposição de seres vivos. Neste artigo vamos conceituar os combustíveis fósseis explicando mais sobre a sua utilização.

Combustíveis fósseis

Os combustíveis fósseis representam em torno de 75% da energia do planeta sendo utilizado como fonte de energia para empresas, residências particulares e também em veículos.

A palavra “fóssil” impõe o significado que para a exploração desses recursos são usadas matérias orgânicas provenientes de plantas e animais encontrados na camada terrestre anterior ao período geológico ao qual nos encontramos. Pode-se dizer que os combustíveis fósseis são formados pela lenta decomposição de seres vivos ao longo dos anos.

Existem três tipos de combustíveis fósseis e são eles:

  • O petróleo: é um liquido escuro constituído basicamente de restos de pequenos seres marinhos e vegetais. É o combustível fóssil mais usado atualmente, pois pode ser utilizado para diferentes fins;
  • Carvão Mineral ou vegetal: surgiu através da fossilização da madeira e o carvão vegetal mais comum é a Hulha que é formada por 80% de carbono e possui uma grande importância comercial e pode ser usada para muitas funções;
  • Gás natural: é formado principalmente por metano e pode ser encontrado em jazidas petrolíferas. É usado na fabricação de plástico, como combustível e demais funções.

Combustíveis fósseis

Vantagens e desvantagens dos combustíveis fósseis

Como vantagens podemos citar as seguintes considerações:

  • Possuem grande eficiência energética;
  • Têm maior custo-benefício do que muitas fontes sustentáveis; processamento da matéria-prima.
  • Alguns fatores ligados aos combustíveis fósseis são desvantajosos, confira a seguir.
  • Se houver erro no armazenamento ou extração desses recursos pode resultar em desastres ambientais e perigo a vida dos seres vivos;
  • São recursos não retornáveis e, por isso quanto menos disponível estiver maior será o custo dos mesmos;
  • Estão relacionados ao efeito estufas entre outros problemas de cunho ambiental como a emissão de gases poluente, por exemplo.

Combustível fóssil no Brasil

O uso dos combustíveis fósseis no país ainda é elevado, mesmo o Brasil tendo fontes energéticas retornáveis ainda se depende da utilização desse tipo de combustível.

Estima-se que 36% da matriz energética do Brasil é formada por combustíveis fosseis, como por exemplo o petróleo. O pré-sal brasileiro é uma das maiores reservar de petróleo do mundo, por isso o país está entre os grandes investidores de combustíveis fósseis do planeta.

Combustível fóssil no mundo

Esses recursos naturais são usados como fonte de energia desde a revolução industrial. São chamados de recursos não renováveis, mas a verdade é que eles se renovam, porém, esse processo pode levar milhões de anos. Por isso muitos países utilizam os recursos renováveis como uma nova alternativa para a produção de energia.

A nível mundial os combustíveis fósseis são considerados de alto valor para o mercado atual. Com base nas informações divulgadas pela Agência Internacional de Energia os combustíveis fósseis correspondem a cerca de 86,7% da energia mundial. Esses dados foram baseados no ano de 2010.

Impacto ambiental

O impacto ambiental deve ser definido com a alteração do meio ambiente causada pela a ação humana. Os seres humanos desde seus primórdios retiram da natureza aquilo que necessitam, por outro lado, o uso desenfreado dos recursos terrestres resultou nas catástrofes que vemos atualmente, como por exemplo, o efeito estufa, que com o avançar dos anos trará outras alterações no planeta que vão afetar toda a vida terrestre.

Tanto o gás natural quanto o carvão vegetal e o petróleo são combustíveis fósseis que provem de recursos não renováveis, conforme vimos nos tópicos anteriores. Essas fontes são matérias orgânicas que levaram milhões de anos para serem originadas, portanto, não há sustentabilidade em usufruir desses recursos. Outro fator determinante é que esses combustíveis liberam gases que contribuem para o efeito estufa.

Observe os impactos ambientais que a extração e o uso desses combustíveis causam na natureza.

  • Dióxido de enxofre: na combustão de combustíveis fósseis é liberado o dióxido de enxofre que é um dos principais causadores da chuva ácida;
  • Poluição ambiental: o aquecimento global se da por determinados fatores, sendo um deles os gases liberados durante a queima dos combustíveis fósseis. Pode-se citar também as usinas de carvão, a poluição desenfreada pela circulação de automóveis;
  • Impactos na vida marinha: como os combustíveis fósseis normalmente são transportados em navios pode haver vazamento de petróleo em alto mar e prejudicar a vida marinha existente.

Exemplos de impactos ambientais

  • Diminuição da biodiversidade
  • Erosão
  • A inversão térmica
  • O efeito estufa
  • Destruição da camada de ozônio
  • As chuvas ácidas
  • Mudanças climáticas

Atividades com impacto ambiental

Além dos combustíveis fósseis há outras atividades que causam impacto ao meio ambiente, confira a seguir alguns exemplos.

  • Extração de minério;
  • Construção de rodovias ou ferrovias;
  • Construção de rodovias e aeroportos.

Como reduzir o impacto ambiental

Em contramão ao que vimos anteriormente se tem um plano de contenção para esse impacto, veja abaixo algumas soluções para a redução do impacto ambiental:

  • Construção de um processo que auxilie a despoluir os rios, córregos, praias e mar;
  • O reflorestamento em áreas que estão desmatadas;
  • Leis que ajudem a preservar o meio ambiente;
  • Desenvolvimento sustentável;
  • A utilização consciente dos recursos naturais, principalmente os não renováveis;
  • O incentivo para o uso dos recursos renováveis como fonte de energia;
  • A conscientização da população e principalmente das futuras gerações sobre a preservação do ambiente.

Essas são algumas formas que podem contribuir com a renovação do meio ambiente e das matérias orgânicas para que as gerações futuras tenham acesso a uma fauna e flora rica em diversidade.

Resumo

A leitura desse artigo permite o entendimento dos combustíveis fósseis como fonte de energia, mas por outro lado mostra que esses recursos não são renováveis o que sua extração e uso desenfreado pode resultar na degradação da natureza.

No texto pode-se ainda compreender a definição de impacto ambiental, quais são as atividades que mais causam impactos ambientais e de que forma esses impactos podem ser solucionados ou amenizados.

O artigo informativo expõe de modo geral as informações sobre os três tipos de combustíveis fósseis do planeta.

Deixe seu Comentário